Igreja Batista da Glória

Um igreja da Convenção Batista Brasileira que deseja levar cada membro a viver como servo de Cristo.

Vendo a Face do Senhor na crise – Parte I

Mensagem comentada

II Crônicas 7.13-16

  • Em Tiago 1.3-12, aprendemos que em momentos de provação da nossa fé precisamos ter atitude de:
    • Servo
    • Alegria no Senhor
    • Pedir sabedoria a Deus
    • Contentamento
    • Perseverança
  • Em Gálatas 6.7-9, aprendemos que precisamos fazer escolhas responsáveis
    • Se fizermos escolhas más, colheremos destruição.
    • Se optarmos por fazer o que é justo, colheremos bons frutos no tempo certo.

I. E se vier um tempo de escassez? (v.13)

13Se eu fechar o céu para que não chova ou mandar que os gafanhotos devorem o país ou sobre o meu povo enviar uma praga,

Nos últimos anos, tivemos aumento de nossa renda e compramos muito, pegamos mais dinheiro emprestado para comprar mais, ainda assim conseguimos gastar mais do que tínhamos, e com isso, ficaram endividados.

Na crise que vive nosso país, ou estamos sendo provados em nossa fé, ou estamos colhendo aquilo que plantamos, ou ainda, estamos sendo disciplinados por Deus por causa de nossos pecados.

Há dois problemas quando pecamos: primeiro, sofremos as consequências do pecado (Gl. 6.7-8) e depois, o que é pior, perdemos a garantia do favor de Deus. (Sl 66.18)

Seja qual for a causa da crise, qual a direção de Deus para este momento?

II. O que devemos fazer?

  1. Seja reconhecido pelo nome de Deus (v.14; Isaías 43.6-7; João 1.11-12)

Os filhos são reconhecidos pelo nome do Pai. São estes que participam da sua glória.

Aplicação: Em meio a uma crise, o melhor recurso que se pode ter é o fato de se pertencer de Deus.

  1. Deixe de confiar em si mesmo (v.14; Jeremias 9.23-24)

Orgulho é a confiança em quem se é e nos recursos que se tem.

Aplicação: Orgulho…

  • Reconhecer o dinheiro e o que ele poderia comprar como fonte de prazer, e não Deus.
  • Sentir segurança porque o banco lhes dava crédito.
  • Sentir segurança porque tem um bom limite no cartão.

É a mesma que faz com que…

  • Alguns prefiram ficar isolados sem se relacionar,
  • Outros queiram desenvolver uma vida sem que nunca precisem da ajuda de alguém.

Por isso, o orgulho é uma grande barreira no relacionamento entre as pessoas e das pessoas com Deus.

III. Conclusão

  • Muitos estão sofrendo com a crise de nosso país.
  • Nós que pertencemos a Cristo não dependemos das circunstâncias.
  • Deixemos de confiar em nossos recursos e confiemos no cuidado de Deus.

Questões para refletir e conversar no encontro

  • De como forma alguém pode ser orgulhoso quanto aos bens materiais?
  • Como a crise tem influenciado seu relacionamento com Deus?

Prática da Palavra

  • Faça um plano de prática de verdades da Palavra substituindo hábitos de pecados por hábitos santos.
  • Coloque diante de Deus todos os dias, necessidades e preocupações suas e de seus irmãos em oração.
  • Memorize II Crônicas 7.14 (talvez 14-16!)
Anúncios
%d blogueiros gostam disto: