Encontro de célula – Lições para o Ministério – I

Baixe a orientação para o Encontro das Crianças

Quebra-gelo: Como falar sem intrigas

  • Com duas toalhas nos ombros pegue uma bacia com água e se disponha a lavar os pés de um dos liderados. Uma toalha coloque sobre a perna e com a outra enxugará os pés.
  • Enquanto você faz isso diga a ele: “Eu admiro você (o senhor ou a senhora) porque… (fale sobre as qualidades dele). Você aceitaria que eu fosse seu servo?” Olhe para ele esperando uma resposta.
  • Em seguida pergunte, alguém gostaria de fazer o que eu fiz agora com outra pessoa?

Transição para o louvor: Até aqui, nos curvamos diante de pessoas a quem humildemente queremos servir, mas agora curve o seu coração diante do Senhor dos senhores.

Louvor (se houve cânticos impressos entregue antes do encontro):

  • Dê oportunidade para que as pessoas falem palavras de amor e adoração a Deus, uma de cada vez.
  • Comece os cânticos que está impresso (Sugestão: “Toma o meu coração” e “Dá-me um coração igual ao teu”). Opcionalmente, combine com outra pessoa para que comece o cântico quando você der o sinal.

Transição para a edificação: Ore, dizendo a Deus o prazer de tê-lo no encontro e pedindo que Ele fale ao coração dos presentes, conforme a necessidade deles.

Edificação

  • Se o sua célula tiver mais de 12 pessoas organize em grupos menores de 6 a 8 pessoas. Neste caso, será necessário que, com antecedência, você tenha passado orientações e as perguntas para líderes destes grupos.
  • Motive os irmãos a terem um coração humilde para compartilharem o que está no mais íntimo do seu coração e que se importem com os demais a tal ponto que os estimulem a fazer o que é certo.

Prestação de Contas

  • Peça que os irmãos compartilhem sobre como foi a prática das coisas que Deus falou no último encontro. Estimule os que não conseguiram, exorte com brandura os que não tentaram e louve a Deus pelos que praticaram.

Edificação de hoje

  • Leiam ou recitem de memória Atos 20.19
  • Afirme: “Todos nós fomos chamados para servir ao Senhor. Isto quer dizer que Deus quer usar para edificar a vida de outras pessoas. Neste texto aprendemos com Paulo como servir a Deus”.
  • Pergunte:
  1. De acordo com o texto como Paulo servia a Deus?
  2. Como a humildade e a sensibilidade influenciam a forma como você serve a Deus?
  3. Deixe Deus falar com você: “Humildade ou sensibilidade, qual delas Deus deseja que você procure desenvolver e por quê?

Transição para o Evangelismo: Ore para que Deus desperte o nosso amor para com os que são de fora.

Evangelismo

  • Dê oportunidade para que os irmãos falem sobre pessoas que gostariam de ver se convertendo a Cristo.
  • Se sua célula já tem conhecimento de quem são as pessoas alvo do ministério de evangelismo de vocês, peça que compartilhem como foi a semana de evangelismo deles.
  • Enquanto vão falando, louve por cada atitude de evangelismo e estimule cada irmãos que estiver constrangido por sua falta e exorte amorosamente os que não tentaram.

Transição para oração de parceiros e discípulos: Precisamos ter um tempo para compartilharmos nossas lutas pessoais e nosso esforço de discipulado e evangelismo. Então sente separado com seu parceiro, discípulo ou discipulador; falem sobre coisas que gostariam que Deus fizesse em suas vidas e como gostariam que Deus ajudasse no discipulado e evangelismo.

Oração

Lanche

Deixe seu comentário ou dúvida

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s